Crítica: ALENTEJO, ALENTEJO

arte-351-alentejo-alentejo-001O Alentejo é uma região de Portugal cuja actividade principal é a agricultura. Há quem lhe tenha chamado ” o celeiro de Portugal “. É neste ambiente que o filme se desenrola, com os actores amadores a levar-nos ao realismo no cinema, que, eu, pessoalmente, aprecio bastante.

Estamos perante um Filme e um Documentário, ao mesmo tempo, que pretende celebrar o CANTE ALENTEJANO e consegue-o mas, consegue mais, mostrar algumas tradições do Portugal profundo. Um Filme importante para quem quiser saber alguma coisa sobre este pequenino país, PORTUGAL, o mais próximo, da Europa, dos Estados Unidos.

———- / ———-

Filme: ALENTEJO, ALENTEJO
Realizador: SÉRGIO  TRÉFAUT
Actores: OS CAMPONESES DE PIAS / CANTADORES DE ALDEIA NOVA DE SÃO BENTO / GRUPO DA CASA DO POVO DE SERPA
Awards: Prémio de Melhor Filme Português [ INDIE LISBOA 2014 ]

Classificação(0 a 10): 07  estrela_pontestrela_pontestrela_pontestrela_pontestrela_pontestrela_pontestrela_pont

avatar_kamy_martinsColuna – Kamy Martins

Kamy Martins, portuguesa, Lobito, Benguela, Angola, 1968. Graduada em Matemática com formação em Fotografia e Cinema na Univesidade de Coimbra (PT), Mestre em Lingua Inglesa pela universidade de Cambridge (UK), jornalista e Crítica de Cinema, escreveu para o Jornal “IMPROP” da Associação dos Estudantes da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa, entre outros. Publicou em 2016 o livro de fotografia intitulado “Cascais Pela Lente de Kamy” onde apresenta um pouco do seu trabalho como fotógrafa e artista.

Deixe uma resposta