Drawing Room Lisboa ocorre esta semana com muitas novidades

A 3.ª edição Drawing Room Lisboa, que acontece entre 14 a 18 de outubro, na Sociedade Nacional de Belas Artes, é especial pois apresenta uma nova secção da feira: a mostra de artistas sem galeria.

Paula Rego, Helena Almeida, Paulo Brighenti, Pedro Barateiro, Joana Pimentel, Pedro Calapez, Vasco Barata, Alexandre Conefrey, Paulo Damião, Vera Mota, Sara Bichão, Rui Horta Pereira e Paulo Lisboa, são alguns dos 55 artistas que integram a 3.ª edição da Drawing Room Lisboa, Feira que este ano destaca o desenho contemporâneo Português em edição presencial, à qual se juntam galerias internacionais numa edição online que se prolongará até 30 de Outubro.

drawing room lisboa 2020
PAULA REGO, Injeção, 1984. Sépia sobre papel, 29,5×42 cm. Courtesy of 111.

Nesta edição haverá ainda espaço para um pequeno grupo de artistas portugueses sem galeria, numa curadoria de Natxo Checa, da Galeria Zé dos Bois. A estes juntam-se o Foco Panorama Italiano, o espaço dedicado ao fenómeno italiano das cidades alla misura del uomo, com curadoria do comissário de Bolonha, Antonio De Falco.

A 3.ª edição da Drawing Room Lisboa posiciona-se como sinalizadora de esperança e de criação de oportunidade para a realização da classe artística do desenho e apresenta uma versão de Feira presencial onde serão apresentadas e comercializadas obras das galerias e artistas nacionais, e uma nova versão on-line onde se juntam as galerias internacionais. Em parceria da CML, a Feira terá lugar de 14 a 18 de outubro, na Sociedade Nacional de Belas Artes.

Uma das novidades da 3.ª edição da Feira recai sobre o espaço que dará voz a artistas sem galeria, com curadoria de Natxo Checa, da Galeria Zé dos Bois, num ano atípico pelo contexto que atravessamos, a Feira presta cuidada atenção aos vários intervenientes do sector artístico, criando esta mostra colectiva também disponível para venda, contribuindo para o reconhecimento cultural e comercial do trabalho criativo de uma geração de artistas.

O Foco Panorama Italiano, o espaço que cada ano destaca a qualidade e diversidade que caracteriza um contexto internacional particular, é dedicado ao fenómeno italiano das cidades alla misura del uomo, pequenas cidades antigas com uma vida artística vibrante. Com curadoria do comissário de Bolonha, Antonio De Falco, expõe três galerias de Modena, Fano e Ravenna, permitindo a troca de experiências, linguagens, reflexões e contrastes entre as cidades de Itália e a cidades de Lisboa, no domínio do Desenho. Será ainda apresentado o número 4 da Revista Papeleo dedicada ao “Panorama Italiano”.

JOSÉ LOUREIRO, Ácaro, 2018, Óleo sobre papel, 110×81,5×4 cm. Courtesy of Fonseca Macedo

Dez galerias portuguesas que marcaram presença na 2.ª edição da Feira regressam este ano: Filomena Soares, Uma Lulik, Módulo, Carlos Carvalho, Galeria 111, Bruno Múrias e Arte Periférica de Lisboa, Fonseca Macedo de Ponta Delgada e Pedro Oliveira e Kubik Gallery do Porto.

Essas galerias se juntam com outras de Portugal, Espanha e Inglaterra numa selecção que coube a Mónica Álvarez Careaga, directora da Feira, e ao Comité Consultivo da Feira, como a 3+1 Arte Contemporânea, Trema, Galeria das Salgadeiras, Balcony Gallery, Bessa Pereira e Galeria Belo-Galsterer de Lisboa; Galeria Silvestre de Madrid; Galeria Siboney de Santander; Galeria Trinta de Santiago de Compostela, e uma Galeria do Reino Unido mas sedeada em Espanha, a Pitt Studio de Worcester. As restantes Galerias Internacionais cuja presença constitui uma das essências da Drawing Room, terão espaço num complemento on-line da Feira.

Através da plataforma própria STORE, criada especificamente para a Feira, associada ao seu site, os coleccionadores de arte contemporânea vão poder explorar a selecção de obras que cada galeria participante preparou para este projecto digital.

Também a programação paralela decorrerá maioritariamente em formato digital e live, mantendo um programa activo diário, exibido da SNBA para todos os interessados via on-line.

O programa de colecionadores ao vivo estará centrado em colecionadores Portugueses e Espanhóis, com marcações de visitas e encontros com artistas no decorrer da feira, bem como um complemento on-line da DR Lisboa em formato digital, com a criação de momentos live exclusivos para o programa de colecionadores internacionais de outros países e mercados.

Manter-se-á ainda o habitual espaço editorial que contará também com uma versão digital para os lançamentos de edições e múltiplos. Está igualmente prevista a realização de visitas, por marcação, a ateliers de artistas e a exposições de instituições públicas da cidade que valorizam o desenho e os estudos artísticos.

À semelhança da edição anterior, a Feira volta a contar com o apoio das principais fundações nacionais, a Fundação Millennium bcp, a Fundação EDP e a Fundação PLMJ, que expressam uma vez mais o seu incontestável compromisso com o desenvolvimento e fortalecimento das artes visuais em Portugal, através de vários Prémios & Apoios a Secções Novas. Também a Viarco volta a estar presente e renova-se a parceria com a Faculdade de Ciências Humanas da Universidade Católica.

De salientar que no actual contexto, a terceira edição da Drawing Room Lisboa decorrerá seguindo todas as diretrizes emitidas pela Direcção Geral de Saúde.

 

Drawing Room Lisboa

HORÁRIOS

De quinta (14/10) a Sábado (17/10)
Das 12h00 às 21h00

Domingo (18/10)
Das 11h00 às 19h00

BILHETES
Bilheteira digital e atm’s de contactless
Geral: 5€

Menores de 18 anos, maiores de 65 anos e membros da Sociedade Nacional

de Belas Artes: 3€
Drawing Room Lisboa
14 a 18 de Outubro de 2019

Sociedade Nacional de Belas Artes
Rua Barata Salgueiro, 36,
1250-044 Lisboa
drawingroom.pt

 

Galerias e artistas participantes da Drawing Room Lisboa 2020

Programa Geral

GALERIA BESSA PEREIRA Lisboa, Portugal
Rafael Fráguas (São Paulo, Brasil, 1994)
Susana Queiroga (Rio de Janeiro, Brasil, 1961)
Pedro Proença (Lubango, Huila, Angola, 1962)

GALERÍA SILVESTRE Madrid, Espanha
Martinho Costa (Fátima, Portugal, 1977)
Marta Barrenechea (Madrid, Espanha, 1964)
Vicente Blanco (A Coruña, Espanha, 1974)
Irene González (Málaga, Espanha, 1988)

GALERÍA SIBONEY Santander, Espanha
Sergio Mora (Barcelona, Espanha, 1975)

GALERIA PEDRO OLIVEIRA Porto, Portugal
Cecília Costa (Caldas da Rainha, Portugal, 1971)
Joana Pimentel (Porto, Portugal, 1971)
Paulo Brighenti (Lisboa, Portugal, 1969)

CARLOS CARVALHO – ARTE CONTEMPORÂNEA Lisboa, Portugal
Maria Condado (Lisboa, Portugal, 1961)
Carla Cabanas (Lisboa, Portugal, 1979)

3+1 ARTE CONTEMPORÂNEA Lisboa, Portugal
Rita Ferreira (Óbidos, Portugal, 1991)
Rosana Ricalde (Niterói, Brasil, 1971)
Nuno Sousa Vieira (Leiria, Portugal, 1971)

FONSECA MACEDO – ARTE CONTEMPORÂNEA Ponta Delgada, Açores, Portugal
Vasco Barata (Lisboa, Portugal, 1974)
Maria Ana Vasco Costa (Lisboa, Portugal, 1981)
José Loureiro (Mangualde, Portugal, 1960)
Isabel Madureira Andrade (Açores, Portugal, 1991)

GALERIA 111 Lisboa, Portugal
Alexandre Conefrey (Lisboa, Portugal, 1961)
Rui Miguel Leitão Ferreira (Lisboa, Portugal, 1977)
Paula Rego (Lisboa, Portugal, 1935)

ARTE PERIFÉRICA – GALERIA DE ARTE Lisboa, Portugal
Nocoleta Sandulescu (Moldávia, 1974)
Paulo Damião (Açores, Portugal, 1975)

TREMA Lisboa, Portugal
Carlos Barão (Lisboa, Portugal, 1964)
Evandro Soares (Novo Mundo, Baia, Brasil, 1975)
Marlene Stamm (Rio Grande do Sul, Brasil, 1961)

GALERIA BRUNO MÚRIAS Lisboa, Portugal
Marco Franco (Lisboa, Portugal, 1972)
Jorge Queiroz (Lisboa, Portugal, 1966)
Vera Mota (Porto, Portugal, 1982)

GALERIA FILOMENA SOARES Lisboa, Portugal
Helena Almeida (Lisboa, 1934 – Sintra, 2018)
Sara Bichão (Lisboa, Portugal, 1986)
Pedro Barateiro (Almada, Portugal, 1979)

GALERIA DAS SALGADEIRAS Lisboa, Portugal
Rui Horta Pereira (Évora, Portugal, 1975)
Rui Soares Costa (Portugal, 1981)

PITT STUDIO Worcester, Reino Unido
John Robinson (Worcester, Reino Unido, 1981)
Tony Squance (Evesham, Reino Unido, 1969)

BALCONY GALLERY Lisboa, Portugal
Fernão Cruz (Lisboa, Portugal, 1995)
Sara Mealha (Lisboa, Portugal, 1955)

GALERIA BELO-GALSTERER Lisboa, Portugal
Pedro Calapez (Lisboa, Portugal, 1953)
Paulo Brighenti (Lisboa, Portugal, 1963)
Rita Gaspar Vieira (Leiria, Portugal, 1976)

UMA LULIK Lisboa, Portugal
Paulo Lisboa (Lisboa, 1977)
Klaus Mosettig (Graz, Áustria, 1975)
Diogo Bolota (Lisboa, Portugal, 1988)

MODULO – CENTRO DIFUSOR DE ARTE Lisboa, Portugal
Ana Romãozinho (Lisboa, Portugal, 1996)
Mafalda Marques Correia (Viseu, Portugal, 1980)
Nuno Gil (Lisboa, Portugal, 1983)

GALERÍA TRINTA Santiago de Compostela, Espanha
Francisco Mendes (Coimbra, Portugal, 1979)
Cesc Abad (Barcelona, Espanha, 1979)

KUBIKGALLERY Porto, Portugal
Pedro Vaz (Maputo, Moçambique, 1977)
Pedro Tudela (Viseu, Portugal, 1962)
Sérgio Fernandes (Sobralinho, Lisboa, Portugal, 1985)
António Olaio (Lubango, Huila, Angola, 1963)
Flávia Vieira (Portugal, 1983)