Companhia de Teatro de Almada estreia Ando a sonhar com Beethoven

Ando a sonhar com Beethoven, a nova criação da Companhia de Teatro de Almada, para toda a família, estreia dia 19 de Fevereiro, sábado, às 16h, no Teatro Municipal Joaquim Benite. Com texto e encenação de Teresa Gafeira, cenografia e figurinos de Pedro Proença, e com os actores Bruno Ramos, Carolina Dominguez, João Farraia e Vera Santana. O espectáculo vai estar em cena até dia 6 de Março.

 

O pequeno Jorge gosta de ter os brinquedos bem arrumadinhos: os comboios, os jogos, os carrinhos. Já tem um computador e adora fazer contas. Com tudo tão certinho, pode dormir tranquilo debaixo dos cobertores. Mas todas as noites um homem despenteado, desastrado e barulhento entra pelo quarto adentro sem pedir autorização. Mexe em tudo, desarruma tudo. Seria insuportável, impossível de aturar! Mas ele torna o quarto quase mágico com tanta música que traz consigo. A Alfa e a Beta dizem que ele é o Beethoven.

É que, ao que parece, o compositor alemão Ludwig van Beethoven (1770-1827) era conhecido pelo seu mau feitio. Costumava resmungar sozinho pelas ruas, tinha inesperados acessos de fúria e não raras vezes se meteu em brigas. Na verdade, Beethoven foi um génio. Tinha cinco anos quando o seu pai reparou no seu invulgar talento para a música e decidiu dar-lhe ele próprio as primeiras lições de composição e piano, obrigando-o a estudar muitas horas seguidas, todos os dias. Aos sete anos, deu o primeiro concerto, aos 12 já compunha pequenas peças e na adolescência começou a trabalhar como instrumentista para ajudar a sustentar a família. Aos 27 anos, começou a desenvolver os primeiros sintomas de surdez e aos 48 anos já estava completamente surdo. Isso não o impediu de compor obras belíssimas.

Ando a sonhar com Beethoven (Sala de Ensaios, de 19 de Fevereiro a 6 de Março de 2022, sábados e terça 1 de Março, às 16h, domingo, 20 de Fevereiro, às 11h, domingos, 27 de Fevereiro e 6 de Março, às 11h, e às 15h.) M/3 | Duração: 50 min. | Preço: entre 5€ e 10€ (Clube de Amigos: entrada livre)

Texto e encenação de Teresa Gafeira

Cenografia e figurinos Pedro Proença
Desenho de luz José Carlos Nascimento
Interpretação Bruno Ramos, Carolina Dominguez, João Farraia, Vera Santana
Movimento Cláudia Nóvoa

Companhia de Teatro de Almada

Mais informações em ctalmada.pt