Exposição de Jean-Guy Lecat é inaugurada no TMJB

Um espaço para representar a vida, é o nome da exposição que Jean-Guy Lecat que fica patente até o final de dezembro, no Teatro Municipal Joaquim Benite.

O teatro é a vida, só que mais concentrada. Será que para representar a vida precisamos de algo mais do que actores? Não e sim. Não, porque é preferível deixar que o público use a imaginação, em vez de mostrar-lhe e impor-lhe imagens. E sim, porque a vida humana só existe em dois tipos de espaços: ou na Natureza, ou na Arquitectura. É portanto forçoso que o teatro aconteça num destes dois espaços – mais frequentemente no segundo. Assim sendo, ou a Arquitectura é o espaço ideal para a representação, ou terá de ser transformada, adaptada, para se tornar o mais neutra possível. Ou então, pelo contrário, devemos intervir para criar uma estética que proporcione, enquadre e favoreça a representação. Nesta exposição vou procurar demonstrar de que forma um espaço transformado pode favorecer a representação, mesmo que a sua arquitectura não esteja à partida organizada para o teatro. Ou como pode alterar-se a relação público/palco num teatro, para alcançar-se uma determinada atmosfera.

(Jean-Guy Lecat)

 

Exposição de Jean-Guy Lecat

A exposição Um espaço para representar a vida, de Jean-Guy Lecat, ficará patente na Galeria de Exposições do Teatro Municipal Joaquim Benite, em Almada, até dia 30 de Dezembro, de quinta a sábado, das 19h às 21h30, e domingos, das 13h às 17h.

jean-guy lecat

Sobre Jean-Guy Lecat

Jean-Guy Lecat trabalha em teatro desde 1965, tendo já sido director de cena, maquinista, cabo-varanda, aderecista, construtor de cenários, cenógrafo, iluminador, engenheiro de som, director técnico, ou consultor de criadores como Jean Vilar, Antoine Vitez, Joseph Szajna, Samuel Beckett, Jean-Louis Barrault, ou Peter Brook. Tem-se dedicado à pesquisa e à transformação ou criação de mais de 200 espaços teatrais em todo o Mundo, tendo sido consultor de Manuel Graça Dias e Egas José Vieira no projecto do Teatro Azul. Iniciou a sua colaboração com a Companhia de Teatro de Almada em 2004. Colaboração essa que se mantém – 17 cenografias e 16 anos mais tarde.

Um espaço para representar a vida (Galeria de exposições do TMJB, de 13 de Novembro a 30 de Dezembro de 2020 de quinta a sábado das 19h às 21h30 e domingos das 13h às 17h)

Exposição de Jean-Guy Lecat

Todas as informações em ctalmada.pt