Solidão e abandono dos mais velhos é tema de livro e exposição de arte

Alice Vieira e Nélson Mateus lançam o livro “Diário de uma Avó e de um Neto, Confinados em Casa” e exposição “Retratos Contados de Alice Vieira” nesta segunda, em Estoril.

O Casino Estoril acolhe, no próximo dia 13 de Setembro, pelas 18h30, no Lounge D, a cerimónia de lançamento do livro “Diário de uma Avó e de um Neto, Confinados em Casa”, da autoria de Alice Vieira e Nélson Mateus. Convidado especial, Júlio Isidro será o moderador de uma tertúlia de apresentação da obra, que tem atenção à solidão e abandono dos mais velhos.

Está, ainda, agendada uma sessão de autógrafos com os autores. No átrio principal do Casino Estoril, um pouco antes, pelas
18h00, será inaugurada a exposição “Retratos Contados de Alice Vieira”. A entrada é gratuita.

 

Lançamento do livro “Diário de uma Avó e de um Neto, Confinados em Casa”

O Lounge D acolhe, pelas 18h30, a cerimónia de lançamento do livro “Diário de uma Avó e de um Neto, Confinados em Casa”. Júlio Isidro será o moderador de uma tertúlia de apresentação da obra. Os autores partilharão com o público conteúdos do livro e abordarão temas como o envelhecimento activo, a luta contra a solidão e o abandono dos mais velhos.

No final decorrerá uma sessão de autógrafos com os autores. A escritora Alice Vieira escreve, com Nelson Mateus, um diário sobre as suas recordações e sobre as memórias entre as diferentes gerações. O Diário de uma Avó e de um Neto, um
projecto do site Retratos Contados.

Como explicam os autores: “O ano de 2020 foi estranho para todos. Nunca passámos tanto tempo em casa, nunca passámos tanto tempo sem ver aqueles que são importantes para nós. E quando a necessidade apertou, foram precisas novas, e velhas, formas de comunicação: regressou a conversa à janela, foi-se embora o abraço, chegaram os Zooms”.

Mas, onde ficam outras gerações nestes tempos incertos? Como faz uma avó que nunca aprendeu a mandar SMS ou um avô cujo telemóvel não tem câmara? Mais do que nunca, as gerações mais velhas têm-se visto isoladas, mas tal não devia ser, especialmente considerando a tecnologia que temos hoje a nosso dispor. E é aí que entram Alice Vieira e Nélson Mateus, Avó e Neto adotados, uma ponte entre gerações que ensina como a alma está algures entre a vivacidade dos jovens e as memórias dos mais velhos, e que podemos criar algo de mágico ao juntar os dois.

 

Exposição “Retratos Contados de Alice Vieira”

O Casino Estoril inaugura no átrio principal, às 18h00, “Retratos Contados de Alice Vieira”. Com curadoria de Nélson Mateus, esta exposição dá a conhecer um pouco da vida e obra de Alice Vieira, bem como da sua ligação afectiva a Cascais assinalando o início das comemorações de seis décadas de carreira de jornalista.

A exposição “Retratos Contados de Alice Vieira” propõe-se partilhar com os visitantes do Casino Estoril um pouco do muito que é a vida e obra da conceituada escritora e jornalista de 78 anos. Recorde-se que, este ano Alice Vieira celebra 60 anos de jornalista e 41 de obra literária. A não perder, até 26 de Setembro.

O Casino Estoril foi distinguido com o certificado “Clean & Safe” do Turismo de Portugal e aderiu ao serviço COVID OUT, Selo de Confiança, Clean Surfaces Safe Places, emitido pelo ISQ.

O Casino Estoril abre às 14h00 e encerra às 02h00, sendo o acesso livre, mediante apresentação de certificado digital ou teste negativo à covid-19. (São disponibilizados testes gratuitos). A entrada, a partir das 22 horas, é para maiores de 14 anos, e maiores de 10 anos acompanhados pelos pais. Nas áreas de Jogo é para maiores de 18 anos.