Tinta nos Nervos comemora 3 anos de exposições nesta quinta

Nesta quinta-feira (9), pelas 18h, a Tinta nos Nervos faz anos e inaugura exposição coletiva com desenho, pintura, serigrafia, escultura, bordado e muita animação.

Foram trinta exposições organizadas, de longa e curta duração, colectivas, mas a maioria individuais, com artistas nacionais ou internacionais ligados aos diversos campos das artes gráficas e das artes do livro.

Para além de colaborações com várias instituições, com editoras e distribuidores de diversas origens, integraram a ReLi, rede de livrarias independentes e trabalharam com escolas e espaços de ensino, para além de acolherem e participarem em eventos que tiveram lugar na Tinta ou fora dela.

As comemorações seguem até com lançamentos e concerto. Os lançamentos são de série de pequenos editores, artistas em auto-edição, antologias e fanzines, bem como zine que contempla trabalhos experimentais de autores já consagrados e outros em início de carreira e uma série de fanzines que exploram questões da sexualidade e autodescoberta femininas.

O concerto do Senhor Vulcão, “Bixos Bons”, recebe referência contemporânea do folk rap nacional, com entrada gratuita no sábado, dia 18 de junho, pelas 16h.

 

Exposição Coletiva de aniversário Tinta nos Nervos

A exposição que inaugura no aniversário de três anos da Tinta nos Nervos, conta com obras inéditas que obedeceram a uma escolha intencionalmente subjectiva, feita pelos artistas.

Os artistas que participam desta Exposição são: Aidan Koch, Aimée Pédézert, Ana Biscaia, Ana Maçã, André Lemos, André Pereira. André Ruivo, Cátia Serrão. Ching-yu Cheng, Cláudia Salgueiro. Damien Monteau. Dedo Mau, Diniz Conefrey, Dois Vês, Edmond Baudoin, Ema Gaspar, Inês Oliveira, João Carola, José Feitor. Marco Mendes, Maria João Worm, Oficina Arara / Miguel Carneiro, Oskar Räna, Ostraliana, Paulo Robalo, Pedro Proença, Rita Oliveira Dias, Run Yung, Susa Monteiro, Susana Marques, Tommi Musturi.